Doenças Coronárias

Atualizado: Fev 3

Estreitamento dos vasos sanguíneos

Com o avanço da idade e outros fatores, como o nível de colesterol elevado, substâncias podem se depositar nas artérias. Essas substâncias podem calcificar, endurecer e favorecer o espessamento das paredes das artérias. Esta mudança nos vasos pode ser chamada de "arteriosclerose". Se o espessamento ocorrer em uma área isolada podemos chamar de "placa arteriosclerotica".  O espessamento pode se tornar grave e restringir artérias (uma condição conhecida como "estenose") e impedir o fluxo sanguíneo, de modo que o fluxo sanguíneo para os tecidos seja menor.



Arteriosclerose das artérias coronárias

Se as artérias coronárias são atingidas (ou ocluídas), o paciente pode sentir dor no peito do tipo "angina" durante a atividade física e especialmente em temperaturas frias.











Arteriosclerose das artérias periféricas

Se as artérias da pelve ou das pernas apresentarem estenose ou oclusão, o paciente pode sentir cãibras, dores nas nádegas ou na perna afetada quando andar. Se o paciente está de pé e ficar parado, a dor irá desaparecer, mas ela irá retornar após caminhar novamente. Estes sintomas são chamados de "claudicação intermitente".



O tratamento das arteriosclerose

Para pacientes com dor torácica ou dor quando caminha, o médico ira sugerir uma intervenção para dilatar a parede da artéria com um cateter balão.

As alternativas podem ser por tratamento médico ou cirurgia bypass. Este tipo de operação é realizada sob anestesia geral, usando pontes de um vaso sem doença a outro ponto. O tempo de recuperação após a cirurgia pode durar de várias semanas a alguns meses. No entanto, muitas vezes os doentes não voltam a sentir sintomas durante anos após a cirurgia bypass.

#expandmedico #arteriosclerose #cirurgiabypass #saude #coracao

0 visualização

Expand Médico Ltda

Av. Wladimir Meirelles Ferreira, 1585. Sala 15. Jardim Botânico. Ribeirão Preto. SP

atendimento@expandmedico.com.br

Telefone: (16) 2111-9777 / 99316-2490